check-up médico

Check-up médico: como sua clínica pode oferecer um atendimento completo

9 min. de leitura

Conheça os exames mais comuns em um check-up médico e entenda como a telemedicina pode expandir o atendimento da sua clínica e torná-lo mais eficiente. 

check-up médico

Emprestada do inglês, a expressão “check-up médico” diz respeito à realização de exames periódicos com o intuito de verificar as condições de saúde. Procedimento padrão em clínicas e hospitais, o check-up já faz parte do vocabulário e da rotina de trabalho dos profissionais de saúde há muito tempo.

No entanto, é importante que as instituições se mantenham atualizadas quanto aos exames mais solicitados pelos médicos e às tecnologias necessárias para a realização dos procedimentos e emissão de laudos.

Neste artigo, você vai entender melhor quais são os principais exames realizados em um check-up médico e como a sua clínica pode se tornar um centro de saúde digital para oferecer um serviço completo aos pacientes.

Check-up médico

Um check-up médico completo inclui diversos exames clínicos, laboratoriais e de imagem que, além de identificar as condições de saúde do paciente, contribuem para eventuais diagnósticos de doenças em estágio precoce. Por isso, é importante que as clínicas médicas estejam preparadas para fornecer um serviço completo para os pacientes que as procuram para a realização do check-up.

A frequência com que os pacientes devem realizar esse procedimento varia de acordo com as instruções médicas e o estado físico individual, mas é recomendado que adultos saudáveis busquem agendar um check-up médico pelo menos a cada dois anos. 

No entanto, alguns grupos de pacientes devem realizar um check-up médico com mais frequência do que outros. Exemplo disso são as pessoas que possuem doenças crônicas, como hipertensão, câncer ou diabetes, que devem fazer o check-up a cada seis meses; as mulheres, que devem realizar exames preventivos como papanicolau e mamografia anualmente; e aqueles que apresentam fatores de risco para alguma doença (como fumantes, pessoas com colesterol elevado e sedentários), que também precisam de acompanhamento anual.

Principais exames de check-up médico

Os exames mais comumente realizados e solicitados pelos médicos buscam averiguar o estado de órgãos como coração, fígado e rins, bem como eventuais alterações no sangue. Quando a clínica dispõe de uma ampla variedade de exames, ela pode oferecer mais comodidade e facilidade para os pacientes, que podem realizar todos os procedimentos em um só lugar.

O “combo” do check-up médico varia de pessoa para pessoa e de acordo com as necessidades e principais preocupações com a saúde de cada paciente. No entanto, alguns são bastante corriqueiros e costumam ser solicitados por grande parte dos médicos, como:

  • Hemograma completo

O hemograma é um exame de sangue que avalia o estado dos glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e das plaquetas do paciente. Por meio da coleta e análise do sangue, é possível detectar doenças como anemia, leucemia, policitemia, infecções virais e bacterianas, alergias e as causas de sintomas que o paciente possa apresentar (febre, fraqueza, perda de peso, etc.)

Esse exame não possui contraindicações, mas o paciente deve se ater a algumas orientações, como jejum durante cerca de 12 horas antes da coleta do sangue.

  • Teste ergométrico

Também chamado de teste de exercícios, o teste ergométrico permite que o médico possa obter as respostas clínica, hemodinâmica, autonômica, eletrocardiográfica, metabólica e eventualmente ventilatória do paciente, que é submetido a uma atividade que requer esforço físico (em uma esteira ou aparelho cicloergômetro).

Esse exame contribui na detecção de doenças como isquemia miocárdica, arritmias cardíacas, distúrbios hemodinâmicos induzidos pelo esforço, bem como na avaliação da capacidade funcional do paciente, seja ele atleta ou não.

O teste de exercícios deve ser realizado na presença de um médico e com equipamentos de qualidade. No entanto, a emissão dos laudos pode ser feita via telemedicina, por um profissional cardiologista, que irá analisar as variáveis de maneira aprofundada.

Saiba mais: Teste Ergométrico: o que é, preparo, indicações e como funciona 

  • Eletrocardiograma

O eletrocardiograma, exame de imagem que registra a velocidade e a quantidade de batidas do coração, é feito por meio de captação da atividade elétrica do coração e pode ser realizado na presença de um médico ou enfermeiros treinados, o que possibilita sua realização via telemedicina.

A partir da análise dos resultados do exame, o médico especialista avalia a frequência de batimentos por minuto e contribui na identificação de problemas como arritmia (taquicardia, bradicardia ou batimentos fora do ritmo); aumento de cavidades cardíacas; patologias coronarianas; infarto do miocárdio; distúrbios na condução elétrica do órgão; problemas nas válvulas do coração; pericardite (inflamação da membrana que envolve o coração); hipertrofia das câmaras cardíacas; doenças genéticas; e doenças transmissíveis (como Doença de Chagas).

Confira: Eletrocardiograma via telemedicina: saiba como funciona 

  • Exames oftalmológicos

Mais comuns a partir dos 30 anos de idade, exames oftalmológicos também fazem parte da rotina de um check-up médico completo. Exames como o de acuidade visual e o teste de Ishihara são utilizados em avaliações iniciais da visão do paciente para identificar problemas de visão.

O exame de acuidade visual é uma forma pela qual o médico oftalmologista identifica o funcionamento da visão do paciente a partir da análise da visão para cores, visão periférica e percepção de profundidade por meio de diferentes testes, como o de movimentos oculares, fundoscopia, tonometria e avaliação das vias lacrimais. O teste de Ishihara, por sua vez, é utilizado na detecção do daltonismo.

Exames oftalmológicos podem ser realizados por profissionais treinados e podem ser laudados remotamente, por meio de telemedicina.

Saiba mais: Oftalmologia via Telemedicina: vantagens e laudos disponíveis 

  • Teste de pressão arterial

A aferição da pressão arterial é feita utilizando um aparelho próprio que identifica o estado do paciente naquele momento. Por meio do monitoramento da pressão arterial, é possível detectar alterações, como a hipertensão, por exemplo.

Além da leitura única em consultório, é possível acompanhar e aprofundar as informações sobre a pressão arterial do paciente através de um exame conhecido como Mapa (Monitorização Ambulatorial da Pressão Arterial). O exame é feito por meio de um aparelho acoplado na cintura ou no braço do paciente e que registra as variações por 24 horas.

A telemedicina também pode facilitar esse procedimento integrando o equipamento com uma plataforma de laudos à distância. Dessa forma, os resultados são enviados diretamente do aparelho para a central remota de médicos.

Saiba mais: 7 especialidades médicas beneficiadas pelo laudo a distância

  • Outros exames

Entre os exames realizados em mulheres, destacam-se o papanicolau, a mamografia e a ultrassonografia transvaginal. Vale lembrar que a mamografia, recomendada para a detecção do câncer de mama (doença que leva cerca de 15 mil pessoas a óbito no país por ano), é um dos exames que também pode contar com laudos emitidos via telemedicina.

No caso dos homens, os exames de check-up incluem ultrassonografia de próstata e dosagem do hormônio PSA.

Como a telemedicina ajuda sua clínica a oferecer um atendimento completo?

Diversos exames comuns em um check-up médico completo podem ser realizados com o auxílio da telemedicina. Regulamentada no Brasil desde 2020, devido à pandemia de Covid-19, a telemedicina apresenta diversos benefícios para as instituições de saúde, profissionais da área e pacientes.

Ao investir em soluções de saúde digital, clínicas e hospitais não precisam manter diversos especialistas em seus quadros  para oferecer um check-up médico completo. Basta que a unidade disponha de profissionais (enfermeiros, técnicos, etc.) capacitados para a aplicação dos exames, e o laudo poderá ser realizado por um especialista remotamente. Essa facilidade contribui para que a clínica amplie sua capacidade de atendimento, tornando-o mais ágil e reduzindo os custos para a instituição. 

Além disso, não é necessário investir em novos equipamentos. A plataforma de laudos da Portal Telemedicina, por exemplo, é integrável com todos os dispositivos que já são utilizados no mercado.

Quer saber mais sobre como a Portal Telemedicina pode contribuir para que a sua clínica ofereça um check-up médico completo? Entre em contato com um de nossos consultores.