A atuação do profissional de enfermagem do trabalho nas organizações

13 min. de leitura

As enfermarias internas implantadas dentro de empresas e organizações públicas e privadas geralmente estão ligadas ao trabalho da equipe do Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e Medicina do Trabalho (SESMT), que tem como objetivo promover a saúde e proteger a integridade física dos trabalhadores. A enfermagem do trabalho é um setor específico para o atendimento direto dos colaboradores. 

Os ambulatórios e enfermarias de empresas  geralmente contam com enfermeiros e técnicos de enfermagem, ambos com especialização em medicina do trabalho e, em alguns casos, também com médicos do trabalho. 

De uma forma geral, esse atendimento é utilizado de forma assistencial e para primeiros socorros, como medição de temperatura e de pressão arterial e a realização de curativos e cuidados com ferimentos.

Mas a atuação dos profissionais de enfermagem do trabalho pode ir muito além. Os avanços tecnológicos permitem que hoje, por exemplo, colaboradores recebam atendimento médico de dentro da empresa, realizem exames e que as equipes responsáveis pela saúde do trabalhador façam um monitoramento de saúde eficaz com base em dados de forma preventiva. 

Neste texto vamos explicar algumas formas de fazer isso. 

Como cuidar da saúde do trabalhador de forma preventiva?

A equipe de enfermagem do trabalho pode se dedicar também a planejar e efetivar ações de precaução para proteger os funcionários de riscos inerentes à atividade exercida, além de estabelecer medidas que visem a proteção dos trabalhadores da empresa.

Entre estas medidas estão a execução de programas de avaliação da saúde dos trabalhadores, como:enfermagem do trabalho

Com boas políticas de saúde ocupacional é possível chegar a um ambiente de trabalho saudável e ajudar a prevenir uma série de doenças e acidentes laborais.

Mas como fazer isso?

Enfermagem do trabalho: 4 dicas para inovar o setor 

A telemedicina permitiu avanços importantes no setor de saúde ocupacional. A tecnologia conecta médicos especialistas aos profissionais de enfermagem que realizam os exames. 

Além disso, a inteligência artificial tem sido utilizada para trazer dados importantes de saúde para ações preventivas, além de um monitoramento da saúde dos trabalhadores mais eficaz. 

Veja algumas das ações de telemedicina que permitem inovação no setor.

1 – Laudos à distância

Realizar exames dentro da própria empresa traz inúmeros benefícios. Ao realizar os exames de rotina na instituição, por exemplo, a empresa reduz o absenteísmo, ou seja, a ausência do trabalhador na empresa. 

Isso porque o deslocamento para uma clínica médica somado ao tempo de realização dos exames pode consumir um dia inteiro de trabalho em algumas regiões.

O segundo e mais importante ponto é que ao realizar os exames com telemedicina o tempo de chegada de um laudo é inferior a 24 horas, ou seja, se consegue uma agilidade que, em alguns casos, ajuda a salvar vidas.

O laudo a distância para empresas funciona assim: 

  • O profissional de saúde realiza o exame no colaborador dentro do ambulatório da empresa;
  • Com um software de telemedicina instalado, os dados coletados no exame são enviados diretamente dos equipamentos médicos até uma central de telemedicina;
  • Na Portal Telemedicina, algoritmos de inteligência artificial fazem uma triagem dos exames com alterações para que fiquem na frente na fila de espera;
  • O médico especialista de plantão recebe o exame e emite o laudo médico para a empresa;
  • Se o software de medicina do trabalho for o SOC, na Portal Telemedicina o laudo sobe de forma automatizada na ficha do colaborador (saiba mais sobre esta integração aqui).

2 – Triagem de exames

Já pensou você contar com algoritmos de inteligência artificial capazes de dar suporte ao diagnóstico médico em todos os exames de saúde ocupacional realizados na sua empresa?

Além do aumento da assertividade na detecção de doenças, já que os robôs têm um poder sobre humano, como por exemplo a capacidade de detectar um nódulo milimétrico em segundos em qualquer exame de imagem, isso ajuda na agilidade na emissão de laudos em casos urgentes.

Imagine que um colaborador da sua empresa foi fazer um eletrocardiograma de rotina ou até mesmo foi procurar o ambulatório devido a uma dor no peito. 

O profissional da saúde de plantão, que pode ser até mesmo um técnico em enfermagem, realiza um eletrocardiograma na hora. Se a sua empresa contar com um serviço de telemedicina com inteligência artificial para a detecção de doenças, como o da Portal Telemedicina, caso seja constatada uma situação de urgência, como infarto agudo do miocárdio, por exemplo, o laudo médico chega para a empresa em até cinco minutos. 

Além disso, sua empresa pode contar com um serviço de teleinterconsulta para que o profissional entre em contato por videochamada com um cardiologista que irá orientar as primeiras condutas para estabilizar esse paciente e encaminhá-lo para atendimento adequado. 

Essa agilidade é fundamental para salvar vidas e já ajudou a reduzir a mortalidade por doenças cardíacas em 45% após um ano de implementação no município de Tarumã, no interior de São Paulo (saiba mais sobre isso aqui). 

 

Leia também: Solução da Portal Telemedicina oferece laudo de ECG em menos de 5 minutos

3 – Gestão de saúde populacional

Quantos dos colaboradores da empresa que você trabalha têm doenças crônicas? Quantos estão acima do peso ou têm obesidade? Qual o problema de saúde mais incidente?

Você acompanha os dados de saúde de sua equipe? Caso não, saiba que a tecnologia permite que a equipe de enfermagem do trabalho possa monitorar esses dados de forma muito mais prática. 

Desta forma, é possível planejar ações de promoção à saúde de forma a prevenir determinados problemas ou evitar que pacientes crônicos, por exemplo, cheguem a uma crise.

A integração entre sistemas e inteligência artificial permite a criação de relatórios e alertas de pontos de atenção para a sua empresa. 

Contratando um serviço como o da Portal Telemedicina, por exemplo, sua empresa pode fazer relatórios de gestão de saúde populacional personalizado de acordo com as suas principais necessidades. 

CONVERSE COM UM DE NOSSOS CONSULTORES E SAIBA MAIS SOBRE ISSO

4 – Teleconsulta

A outra forma de modernizar o setor de enfermagem do trabalho da sua empresa é contratar um serviço de teleconsulta. Você pode contratar um aplicativo e oferecer esse atendimento remoto aos colaboradores ou até mesmo disponibilizar atendimento através de vídeo chamada da área da enfermaria da sua empresa.

Com a pandemia de Covid-19 o governo federal liberou a utilização de teleconsultas em todo o país e o resultado foi satisfatório. Uma pesquisa da Associação Brasileira de Planos de Saúde (Abramge) mostra que 90% dos pacientes conseguiram resolver os problemas de saúde dentro de casa, 

Ou seja, ao disponibilizar teleconsulta para os colaboradores a empresa tem o benefício de deixá-los mais satisfeitos e ser mais atrativa para novos funcionários, além de cuidar melhor da saúde deles.

O benefício para a enfermagem do trabalho é que com este serviço implementado pode contar com um suporte médico para casos que exigirem esse atendimento. 

Quais as vantagens de cuidar da saúde do trabalhador de forma preventiva? 

Cuidar da saúde do trabalhador é um investimento importante, visto que, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMC), a longo prazo, as empresas que promovem e protegem a saúde dos trabalhadores estão entre as mais bem-sucedidas e competitivas. Além disso, desfrutam de melhores taxas de retenção de funcionários (veja mais sobre ambientes de trabalho saudáveis neste estudo publicado pela entidade).

Mas há uma questão que por vezes atrapalha a correta implementação destes programas preventivos e de proteção ao trabalhador – a vontade do próprio empregador. 

Apesar de uma grande parte das organizações brasileiras dar atenção à saúde e segurança dos trabalhadores – dados do Serviço Social da Indústria (SESI) aponta que 71,6% das indústrias valoriza programas de saúde -, ainda há organizações que não estão dispostas a oferecer um ambiente mais saudável aos seus funcionários, deixando a saúde ocupacional em segundo plano. 

Dessa forma, a possibilidade de pensar de forma estratégica e preventiva na promoção da saúde do trabalhador acaba sendo um dos principais desafios da área de enfermagem do trabalho, que muitas vezes fica restrita a atuar de forma reativa, tentando reverter ou ao menos amenizar patologias que já estão em estágios mais avançados.

As dificuldades do setor de enfermagem do trabalho

Outro fator que dificulta o trabalho da equipe de enfermagem do trabalho é a falta de infraestrutura nos postos internos de atendimento. Por não ter prioridade nos investimentos de muitas empresas, o setor de saúde não consegue prestar um atendimento adequado. Falta de espaço, de equipamentos, de insumos e de equipe especializada acabam por afetar a qualidade do serviço. Podemos destacar algumas das atribuições de técnicos e de enfermeiros do trabalho prejudicadas pela pouca estrutura oferecida:

  • Realizar procedimentos simples e rotineiros como curativos e medicações segundo a prescrição médica, e outros mais complexos, como testes de audição e de acuidade visual;
  • Realizar desinfecção e esterilização de equipamentos, seguindo medidas de biossegurança;
  • Realizar consulta de enfermagem com foco em anamnese (memória), minimizando as licenças;
  • Participar de trabalhos das equipes de saúde multidisciplinares como eventos e palestras sobre saúde e riscos ocupacionais;
  • Planejar e divulgar campanhas de incentivo à saúde como diabetes, hipertensão, vacinação, alcoolismo, tabagismo (fumo), DST’s e primeiros socorros e obesidade.

Para atender a todas essas demandas, o setor de enfermagem do trabalho precisa estar bem estabelecido e equipado.

 A chegada da telemedicina permite a ampliação deste setor e a possibilidade de oferecer uma estrutura melhor com investimento baixo e excelente custo-benefício.

Entre em contato com os nossos consultores e saiba como é simples implementar a telemedicina na enfermaria de sua empresa e oferecer uma estrutura de ponta para a equipe de enfermagem do trabalho. 

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.