monitoramento remoto de pacientes

A tecnologia transformou a forma como solicitamos táxis, acessamos nossas informações bancárias e realizamos outras tarefas rotineiras. O objetivo é conectar pessoas e prestadores de serviços de maneira ágil e eficiente.

Com a proliferação do uso de smartphones, cuidar da saúde também ficou mais fácil. Seja de maneira autônoma utilizando aplicativos para assumir uma postura profilática e reeducar comportamentos nocivos ou trazendo o médico para mais perto do paciente.

Essa é a proposta de empresas de saúde, que cada vez mais apostam no monitoramento remoto de pacientes para oferecer melhores diagnósticos e acompanhar a administração de tratamentos em longo prazo.

Conheça um pouco melhor este universo e as possibilidades que ele apresenta para melhorar a qualidade de vida de seus pacientes.

 

conceito telemedicinaO conceito de telemedicina e sua importância para a melhoria dos atendimentos em saúde

A telemedicina trata do uso de tecnologia para simplificar a vida de profissionais de saúde, principalmente, no que diz respeito à comunicação entre médico e paciente. Embora também possa ser utilizada no ensino, sua principal utilidade reside na orientação de profissionais de enfermagem e assistência social quanto a realização de ações profiláticas e curativas in loco, sem que o deslocamento do médico seja necessário.

Ela é fundamental para atendimentos de urgência em áreas em que o acesso a estes profissionais esteja comprometido ou inexista, e pode ser feita por telefone ou internet.

Além de democratizar o acesso aos profissionais da saúde, ela é fundamental para obtenção e transmissão de exames de resultados laboratoriais e na assistência a pacientes com dificuldade de locomoção. Ela também possibilita o debate entre profissionais de área diferentes, qualificando os diagnósticos e em casos especiais pode até ser utilizada na realização de cirurgias remotas, com auxílio de robôs.

As vantagens da telemedicina já podem ser percebidas no diagnóstico e tratamento de doenças há alguns anos. No entanto, graças a popularização dos smartphones, essa revolução pôde sair das escolas e hospitais e passar a fazer parte do dia a dia de pessoas comuns.

Entre suas principais vantagens estão a redução de custos, porque ela inibe deslocamentos antes inevitáveis, um melhor controle dos recursos disponíveis em hospitais e clínicas já que possibilita a triagem de pacientes e a simplificação de atendimentos de urgência em áreas remotas.

Fomentando a cooperação entre profissionais e aumentando a quantidade de dados disponíveis acerca da saúde pública, a telemedicina é o futuro quando falamos em tecnologia e saúde.

 

monitoramento medicoSmartphones e o monitoramento remoto de pacientes

Embora seu surgimento tenha se dado antes mesmo da invenção do smartphone, sua eficácia aumentou bastante graças a sua adoção. Se pensarmos em termos de Brasil, são cerca de 168 milhões de aparelhos em atividade o que foi fundamental para inclusão digital de boa parte da população, que antes não dispunha de qualquer acesso à internet.

A revolução dos dispositivos móveis já serviu para que estes superassem o número de computadores no país e hoje já contamos com cerca de 1,04 aparelhos per capita.

Essa notícia é extremamente positiva para os profissionais de medicina, que hoje podem aproveitar as vantagens oferecidas quando o assunto é monitoramento remoto de pacientes. Estas tecnologias interativas abrem oportunidades para profissionais e clínicas inovarem quanto ao atendimento de pacientes, seja no acompanhamento pós-hospitalar ou na administração dos sintomas de doenças crônicas.

Ações preventivas e profiláticas se tornam mais simples com a adoção de aplicativos de monitoramento e colocá-los em seu hospital ou clínica fará muita diferença nos resultados obtidos.

Utilizando estes aplicativos, cuidar de pacientes que receberam alta recentemente demanda menos tempo e otimiza a rotina do profissional, que podem auferir a distância o andamento dos tratamentos recomendados e sua eficácia.

Ambulatórios digitais se beneficiam da câmera e conexões de internet destes aparelhos para realizar a avaliação de sintomas e entrevistas com estes pacientes, que podem relatar aos médicos efeitos colaterais e a melhora de sintomas sem precisar sair de casa.

Instruções sobre o uso correto de medicamentos, realização de curativos e cuidado com sondas podem ser performados a distância, otimizando a rotina de médicos e enfermeiros. Caso o atendimento presencial ainda assim se faça necessário é possível realizar agendamentos também através destes aplicativos, o que redefine a relação entre atendimento e cuidado e minimiza as chances de erro.

 

Equipamentos atualizados e diagnósticos precisos

Através do monitoramento remoto fica mais simples realizar manutenções e atualizações em equipamentos essenciais para o diagnóstico o que se traduz em melhor qualidade de vida para médicos e pacientes.

Os aplicativos não precisam necessariamente estar conectados aos instrumentos para realização de exames. Eles oferecem um canal para troca de informações entre clínicas e fornecedores que podem avaliar seu estado de funcionamento e a necessidade de atualizações e correções de software ou hardware.


monitoramento remoto de pacientesMelhoria na qualidade de vida com monitoramento remoto de pacientes

O principal benefício está na melhora dos cuidados básicos de saúde oferecidos a pacientes que vivem longe dos grandes centros urbanos ou têm dificuldades de locomoção. Muitas vezes estes necessitam de monitoramento constante quanto a administração de medicamentos ou precisam receber resultados de exames e tem dificuldade de realizar uma nova visita ao hospital.

Com o uso de aplicativos de monitoramento remoto de pacientes é possível enviar informações fundamentais para o andamento de seus tratamentos sem que isso signifique uma perda significativa de tempo crucial para o ajuste de sua medicação ou suspensão de algum método terapêutico que não esteja funcionando bem.

Outra grande vantagem está no acompanhamento de pacientes que sofrem de doenças crônicas, que tem um tratamento pré-definido, mas exigem acompanhamento próximo de profissionais altamente especializados e cujos deslocamentos significariam um aumento de custos significativo em seu tratamento.

Avaliar novos sintomas, reações adversas e como o paciente está se sentindo ficou mais fácil com a telemedicina. As soluções de mobile care são excepcionais na hora de fornecer informações preciosas sobre a resposta aos tratamentos.

Até mesmo diabéticos podem utilizar serviços como este, enviando informações de seus glicosímetros através de fotografias para os profissionais responsáveis pela administração de seu tratamento, que podem perceber uma redução de até 10 vezes no custo da administração de cuidados básicos.

A manutenção de uma base de dados rica e atualizada é outro dos benefícios que qualificam o diagnóstico e transformam a rotina de profissionais de saúde que conseguem observar os efeitos dos tratamentos recomendados e reavaliar de forma constante sua eficácia.

 

Os benefícios da telemedicina para o monitoramento remoto de pacientes não param de avançar e muitas novidades estão a caminho, melhorando a relação médico/paciente e qualificando os diagnósticos e tratamentos administrados. Já conhecia esta modalidade e as vantagens em sua utilização? Leia o nosso artigo Telemedicina: o que é e como funciona e saiba mais sobre o assunto!

Write a comment:

*

Your email address will not be published.

2016 © Copyright - Portal Telemedicina Por Vitalweb

Entre em contato TEL: (11)2538-1455 | (11)2476-5710