medicina ocupacional

medicina ocupacionalProfissionais que buscam se destacar e obter sucesso na área da medicina ocupacional devem estar atentos às tendências mundiais e novas tecnologias do setor. Com a busca crescente de clínicas especializadas em medicina do trabalho, torna-se necessário estudar e buscar meios de aperfeiçoar o atendimento aos pacientes. Já abordamos em outros artigos, aqui no blog da Portal Telemedicina, as principais tendências para a área de saúde e sobre como montar uma clínica de saúde ocupacional, que requer, entre outras coisas, investimento em softwares e sistemas como o de telemedicina para aprimorar a eficiência do negócio.

A utilização de inovações tecnológicas na medicina ocupacional qualifica o serviço e o atendimento prestado aos pacientes. Por isso, é importante buscar mais informações e se aprofundar nestes temas, que deverão guiar as formas de atendimento nos próximos anos.

Uso de novas tecnologias para o aperfeiçoamento dos serviços prestados

Nos tópicos abaixo, separamos alguns assuntos importantes para você estudar. Colocamos também alguns links de referência, caso você queira materiais extras. Vamos aos conteúdos:

Clínicas especializadas em medicina ocupacional

Tendência mundial, associada ao crescimento da indústria, os serviços médicos focados em trabalhadores requerem conhecimentos técnicos sobre legislação e qualidade do ambiente onde são desempenhadas as atividades dos funcionários. Em 2015, no Brasil, foram registrados mais de 612 mil acidentes de trabalho, de acordo com o Anuário Estatístico da Previdência Social. Muitos destes casos poderiam ser atendidos ou prevenidos pelos serviços prestados por uma clínica especializada em medicina ocupacional, que tivesse convênio com empresas.

É importante que o profissional busque informações sobre programas como o Programa de Controle Médico Ocupacional (PCMSO), o Programa de Prevenção de Riscos Ambientais (PPRA), o Programa de Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Indústria da Construção (PCMAT), o Perfil Profissiográfico Previdenciário (PPP), o Laudo Técnico das Condições Ambientais de Trabalho (LTCAT) e ainda o Programa de Conservação Auditiva (PCA). Também é fundamental acompanhar as atuais mudanças na legislação sobre o trabalho, que preveem, por exemplo, normas sobre o grau de insalubridade aceitável para grávidas.

prontuário eletrônicoProntuários online

Armazenados virtualmente e protegidos por sistemas de alta segurança, os prontuários online dos pacientes são uma das grandes tendências na área da saúde e para os profissionais de medicina ocupacional. Além de manter o registro de todos os dados, laudos, diagnósticos e consultas realizadas, um sistema deste tipo permite que as informações do paciente sejam acessadas de qualquer lugar do mundo. Atualmente existem aplicativos para dispositivos móveis que armazenam os dados do usuário.

A diferença é que os novos softwares devem ampliar os dados salvos, envolvendo informações de produtividade, agenda, custo e outros procedimentos da própria clínica.  O Software Integral de Gestão Ocupacional (SOC), por exemplo, reúne algumas das informações de Saúde e Segurança do Trabalho (SST) exigidas pelo E-Social, Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas. Este sistema para empregadores armazena informações sobre os funcionários, como comunicações de acidentes de trabalho.

Telemedicina como aliada

Melhoria da produtividade, diminuição de custos e rapidez são as principais características atribuídas aos serviços de telemedicina. A modalidade tem sido implantada em hospitais e clínicas que buscam ampliar o atendimento do número de pacientes, com a realização de exames e diagnósticos de diferentes especialidades médicas, de forma segura.

A instituição que implementa este sistema realiza os exames e envia para um médico especialista, como neuropediatras, neurocirurgiões, neurologistas, cardiologistas, radiologistas, pneumologistas, oftalmologistas, ou ainda, peritos em medicina do trabalho e OIT. Mas, caso a clínica ou hospital não possuam o equipamento para a realização do exame, também há a opção de locação oferecida em alguns sistemas e por nós da Portal Telemedicina. No artigo Vantagens da Telemedicina explicamos melhor o funcionamento e os benefícios deste sistema.  

Unidades móveis

A ampliação do atendimento em saúde ocupacional tem sido viabilizado por unidades móveis de saúde, verdadeiras clínicas sob rodas, que se deslocam até o local de atendimento, com médicos e outros profissionais. As clínicas de medicina ocupacional são adaptadas em veículos de médio e grande porte, que podem oferecer todas as modalidades de exames necessárias às instituições que contratam o serviço, como exames admissionais, demissionais, complementares e periódicos. Além de ampliar o atendimento para os profissionais, a utilização de automóveis promove o acesso igualitário dos trabalhadores aos serviços.

Internet das coisas

Já abordamos em outros artigos as grandes tendências da internet das coisas na área da saúde, e como estas inovações podem transformar as relações entre os profissionais e os pacientes. Da mesma forma, nos atendimentos de medicina ocupacional, a internet das coisas pode ampliar tanto o monitoramento de dados dos pacientes, quanto às condições onde ele executa seu  trabalho.
Sensores que detectam más condições do ambiente, como insalubridade ou radiação, por exemplo, poderão estar conectados a dispositivos que informem não apenas às empresas, mas também aos médicos, que terão dados completos sobre os pacientes e os fatores que podem provocar algum tipo de doença.

Acompanhe nossos artigos e fique sabendo de todas as tendências de saúde e inovações do setor!

Foto do topo: sasint/CC

Foto 2: jfcherry/CC

Write a comment:

*

Your email address will not be published.

2016 © Copyright - Portal Telemedicina Por Vitalweb

Entre em contato TEL: (11)2538-1455 | (11)2476-5710